sábado

Pastor é detido por agredir filho e manter a esposa em cárcere em MG

A Polícia Militar de Presidente Olegário prendeu na noite desta sexta-feira, 5 de julho, um homem suspeito de manter a mulher e uma criança de um ano e dois meses em cárcere privado. 

 

Após receber denúncias de vizinhos, os policiais encontraram a criança ferida e com escoriações no corpo. As duas vítimas estavam trancadas no interior da residência.


A mulher do suspeito, que preferiu não se identificar, disse que ela e a filha eram mantidas em cárcere privado havia alguns meses pelo marido, Cleidmir Ferreira Rosa, 20 anos. A mulher também disse que ela e a menina eram trancadas num cômodo do imóvel, e que eram proibidas de sairem do interior da casa.


Cleidmir, que também é pastor da Igreja Mundial, negou as acusações, mas foi preso em flagrante por ameaçar a mulher e agredir a criança. Segundo a polícia, vizinhos disseram que chegaram a ouvir gritos de criança dentro da casa, mas que nunca tinham visto a mulher ou o filho dela no local e por isso achavam que o acusado morasse sozinho.


O suspeito foi preso em flagrante e encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil de Patos de Minas. A criança ficará com um parente próximo até que o caso seja apurado.


Fonte: Patos em Destaque

Nenhum comentário:

Postar um comentário