terça-feira

Evangélica que abrigou nigeriana é indicada ao 'Prêmio Faz Diferença' do O Globo

A professora Elida Hederick Vieira, uma cidadã comum, evangélica da igreja Assembleia de Deus Vitória em Cristo, foi indicada para receber o “Prêmio Faz Diferença”, que homenageia cidadãos que de alguma forma contribuíram para mudar o país.

 
Durante o evento Rio+20, que aconteceu no mês de junho deste ano, a professora abrigou em sua casa anigeriana Hadijatou Anadou, funcionária do Ministério da Educação da República do Níger.
 
Hadijatou Anadou teve seus documentos roubados durante viagem que fez para participar do evento e não conseguiu retornar ao seu país.
 
Elida, que trabalhava como tradutora durante o evento, viu a nigeriana no aeroporto aos prantos e se comoveu, decidindo ajudá-la oferecendo abrigo. Além de abrigar e dar carinho à nigeriana, Elida conseguiu toda a documentação necessária para que Hadijatou retornasse a seu país.
 
Além das indicações da Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan), que patrocina o prêmio, jornalistas de cada uma das editorias do O GLOBOindicaram três pessoas ou instituições que mais se destacaram nas páginas do jornal, seja pela atuação em suas áreas, por ajudarem a escrever a História do país ou protagonizarem fatos importantes.
 
De iniciativa da rede Globo, o prêmio está em sua décima edição. O resultado com os homenageados será divulgado em um caderno especial no dia 19 de janeiro. Em março cada um dos vencedores participará de uma cerimônia onde receberão um troféu.
 
Fonte: Christian Post / webradiocasc.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário