sexta-feira

Tatiana Malafaia viaja em missões para a Bolívia

A cantora Tatiana Malafaia embarca nesta quarta-feira, dia 17, para viagem missionária à Bolívia, mais especificamente em Santa Cruz, Jorochito, onde ficará por 10 dias. Esta é a primeira viagem missionária da cantora, que já esteve em outros países, mas não em missões.
 
 
Tatiana havia recebido o chamado do Senhor para missões desde sua adolescência, e a primeira revelação que teve quanto a isso foi sobre a Bolívia. A cantora contou em entrevista à Central Gospel, como foi seu chamado:
“Aos 15 anos, eu sonhei que estava em um outro país, mas não sabia qual era. De repente, um jovem com a pele bem morena, como a de um índio, com uma camisa cor de tijolo e cabelos negros muito lisos se apresentava diante de mim e começava a falar numa língua que eu não entendia. Foi quando ouvi uma voz que dizia: ‘Você não pode entendê-lo, pois ele fala quechua. Acordei nesse exato momento e comecei a procurar o que era quechua, pois nunca tinha escutado essa palavra. Pesquisando, descobri que quechua é um idioma de índios nativos da Bolívia. Fiquei pasmada, mas guardei aquela palavra no meu coração. Até que nesse ano, o missionário Roberto esteve em nossa igreja e, durante a apresentação das fotos do trabalho da missão, mostrou a foto de uma índia quechua. Eu quase caí da cadeira, pois na hora aquele sonho voltou à minha mente. Perguntei ao Senhor: ‘Mas, Deus, e agora, o que vou fazer? Qual o próximo passo?’. E a resposta foi: ‘Ide! Filha, eu já te mandei ir! Não disse para que você espere um convite. Vá você mesma!’. Meu coração se animou sobremaneira e comecei a preparar tudo.”
Segundo a cantora, parte do dinheiro arrecadado com as vendas de seu CD “Tempo de Romper”, recentemente lançado pela gravadora Central Gospel Music, será ofertada a missões.
“Meu primeiro projeto é acender ainda mais a chama de missões nos corações e ampliar horizontes. Meu propósito é ir, conhecer, analisar as necessidades e trazê-las para o Brasil, a fim de mobilizar a igreja”, revelou a cantora.
Por Érika Oliveira, para o Gospel+ / webradiocasc.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário