domingo

Governador de Pernambuco participa do velório e enaltece conduta política de Ronaldo

O governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB), também prestou solidariedade à família do ex-governador Ronaldo Cunha Lima, que faleceu na manhã deste sábado (7), em João Pessoa. Eduardo Campos chegou às 17h10 ao velório no Palácio da Redenção.



Em breve entrevista, o governador pernambucano declarou que Ronaldo era uma pessoa muito querida, grande poeta e homem público exemplar. "Um amigo, alguém que deixa enorme saudade por tudo o que fez pela redemocratização do País e pelo o que fez pela Paraíba. Foi uma pessoa encantadora e um exemplo para sua geração”.

O presidente nacional do PSB lembrou que seu pai, Miguel Arraes, ex-governador de Pernambuco, e Ronaldo Cunha Lima, tiveram trajetórias parecidas na vida pública. "Eles viveram um tempo muito duro na vida pública, tiveram os mandatos cassados, assistiram o Brasil viver um tempo duro de arbítrio, da ditadura, da perseguição, mas tiveram  a coragem de militar politicamente, de sonhar e de transformar esse país numa democracia que hoje permite ao povo se organizar, lutar por seus direitos e tornar a sociedade bem mais justa e equilibrada que temos hoje”.

Após ser recebido na porta do Palácio da Redenção pelo governador Ricardo Coutinho, o governador Eduardo Campos cumprimentou o senador Cássio Cunha Lima, sua mãe Glória Cunha Lima e demais familiares. Em seguida todos participaram da missa de corpo presente celebrada pelo diácono Fabiano Moura de Moura, sobrinho de Ronaldo Cunha Lima.
 
Fonte: WEB RADIO CASC

Nenhum comentário:

Postar um comentário