sexta-feira

Motorista envolvido em acidente do humorista Shaolin pode pegar até quatro anos de prisão

Jobson Clemente, motorista de caminhão envolvido no acidente que deixou gravemente ferido o humorista Shaolin, pode pegar até quatro anos de prisão, disse ao UOL o promotor Luciano Maracajá, nesta quinta-feira (1º).




Shaolin dirigia pela BR-230, em Campina Grande, no dia 18 de janeiro deste ano, quando o caminhoneiro, que estava no sentido contrário, atravessou a pista e bateu no carro do humorista. Clemente deixou o local sem prestar socorro e se apresentou à polícia somente alguns dias depois.
O caminhoneiro é acusado de dois crimes: lesão corporal e omissão de socorro. “Juntando as penas previstas pelos dois crimes, o réu pode pegar até quatro anos de prisão”, afirmou Maracajá.
O julgamento está marcado para o dia 13 março em uma audiência única, em que o juiz pode declarar a sentença no mesmo dia. Caso não se sinta à vontade para isso, explicou o promotor, o juiz tem até dez dias para divulgar a decisão. Primeiro serão ouvidas as testemunhas da acusação e depois as da defesa. O réu é então interrogado e, em seguida, o juiz declara a sentença.
Há 25 dias, o acusado apresentou sua defesa por escrito na qual diz que não teve intenção de ferir a vítima. “Ele alega que foi uma fatalidade, mas o réu é o único culpado pelo acidente”. De acordo com a perícia feita na BR-230, há marcas do pneu do caminhão de Jobson na pista onde Shaolin trafegava. Maracajá apresentou denúncia ao Ministério Público da Paraíba no dia 9 de setembro, pedindo a condenação do caminhoneiro.
De acordo com o advogado do humorista, Rodrigo Celino, Shaolin continua reagindo ao tratamento aos poucos. “A evolução do quadro é gradual. Ele nos acompanha com o olhar, tem algumas ações espontâneas, mas ainda não consegue se comunicar “, explica.

Nenhum comentário:

Postar um comentário