quinta-feira

Polícia Civil prende homem que matou o próprio padrasto

Operação da Polícia Civil prende homem que matou o próprio padrasto na zona rural de Lagoa Seca/PB
Uma operação conjunta da Polícia Civil dos municípios de Lagoa Seca e Alagoa Nova, no Agreste do estado, conseguiu prender no início da tarde desta quinta-feira (03), um homicida que estava sendo procurado desde o ano de 2007, acusado na prática de dois assassinatos na região.

O último deles ocorreu no dia 12 de outubro, no sítio Jucá do Cumbe, na zona rural de Lagoa Seca.

José Pereira Lopes dos Santos, de 49, também conhecido como “Zé Gaifar” foi localizado no sítio Jucá do Cumbe, bem próximo de sua residência.

A história criminosa do acusado teve início no ano de 2007, quando após uma discussão em um sítio em Matinhas, ele assassinou a dona de casa Maria Frutuoso da Silva. Depois do crime, o agricultor fugiu e estava sendo procurado.

No último dia 12 de outubro, ele voltou a agir, desta vez dentro da casa de sua própria mãe, no sítio Jucá do Cumbe em Lagoa Seca assassinando a facadas seu padrasto, o aposentado João Benedito da Silva, de 73 anos. Os golpes atingiram a vítima no peito e na cabeça.

De posse do mandado de prisão preventiva, o delegado Antônio Lopes Filho e os agentes de investigação José Ferreira Nunes e José Jackson (Lagoa Seca) e Antônio Cabral (Alagoa Nova), conseguiram fazer um cerco no local onde ele estava escondido para efetuar a captura.

No momento da ação policial não houve reação por parte do acusado que foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil de Lagoa Seca e deverá ser transferido, ainda nesta tarde, para a Penitenciária de Segurança Padrão (antiga Máxima) em Campina Grande.

CASC-PB
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário