terça-feira

O CASC-PB APOIA A CAMPANHA DA TV CORREIO

Lançada Campanha Natal pela Vida na PB



O Natal Pela Vida 2011 foi lançado na manhã de ontem, no auditório do Hospital Unimed, em João Pessoa. Realizada há 12 anos pelo Sistema Correio e pelo Comitê de Entidade no Combate à Fome e pela Vida (Coep), a campanha conta com a parceria de diversas empresas do Estado e já arrecadou 4.034 toneladas de alimentos, beneficiando cerca de 892.000 pessoas de toda a Paraíba. A novidade para este ano é a adesão do Centro Universitário de João Pessoa (Unipê).

A campanha Natal Pela Vida deste ano tem algumas metas a serem cumpridas. Neste ano, espera-se superar a marca de 2010, que foi de 315 toneladas. A Unimed, maior colaboradora, pretende arrecadar sozinha 115 toneladas de alimentos, porém respeitando um percentual mínimo para cada item.

Segundo a diretora executiva do Sistema Correio, Beatriz Ribeiro, o Natal Pela Vida é um exemplo a ser seguido. “Acredito que podemos fazer a diferença e ajudar a construir um futuro melhor. Uma das coisas mais importantes da nossa vida é saber que ajudamos a construir algo e cumprimos nossa missão, dando um horizonte melhor a essas pessoas. A campanha vai dar motivação a essas famílias carentes para mudar sua realidade, o que é um trabalho de grande responsabilidade social”, disse.

O lançamento contou com a participação de crianças e jovens do coral da Unigente, instituto de responsabilidade social da Unimed-JP atendido pela campanha, cantando o Hino Nacional. Também estiveram presentes na cerimônia a presidente da Associação Paraibana de Imprensa (API), Marcela Sitônio, e Núbia Gonçalves, representando a Organização das Nações Unidas (ONU) na Paraíba.

O desembargador Júlio Aurélio Coutinho, representando o Hospital Padre Zé, outro beneficiado, parabenizou a iniciativa do Sistema Correio e das empresas parceiras. “O Natal não é só um dia. Toda dia é Natal na imagem viva das crianças que aqui estão e de todos que colaboram com a campanha. Venho em nome do Hospital Padre Zé e dos doentes que lá se encontram. Tenham a certeza de que o Padre Zé continua de mãos estendidas entre nós, recebendo ajuda e dando a benção pela nossa felicidade”, afirmou emocionado.

A reitora do Unipê, Ana Flávia Pereira Fonseca, mostrou satisfação em integrar a campanha. “Estamos realmente decididos a mudar a vida dessas pessoas. Já temos feito um trabalho social, atendendo à comunidade através de nossas clínicas, porém ficamos ainda mais felizes em integrar o Natal Pela Vida e ajudar no que for possível”, contou.

Metas
“Queremos arrecadar um pouco de cada alimento, para que eles sejam diversificados e não se concentrem em um só tipo, como fubá ou feijão. Por outro lado, também pretendemos estabelecer objetivos para cada setor participante da campanha. Pretendemos arrecadar 20 toneladas com a cooperativa, 55t com as empresas fornecedoras, 20t através das gincanas, 10t com a venda de camisetas e 10t através das rifas”, disse Lena Guimarães, diretora de comunicação e marketing da Unimed-JP.

Para o presidente da Unimed e do Instituto Unigente, Aucélio Melo de Gusmão, mesmo que a campanha não atinja as metas, já será uma grande ajuda para essas famílias. “Estamos aqui, mais uma vez, pelo bem comum, que precisa de ajuda, de solidariedade, mas, sobretudo, de carinho e amor. Nós sabemos que não resolveremos o problema social do país, mas toda atitude que ajude a diminuir essa desigualdade é válida e só tem a somar. O futuro dessas pessoas depende de ações proativas como esta”, enfatizou.

Arrecadação de alimentos do Natal Pela Vida

ANO
TONELADAS
PESSOAS BENEFICIADAS
2000
80
20.000
2001
120
30.000
2002
300
70.000
2003
500
100.000
2004
300
70.000
2005
600
125.000
2006
700
157.000
2007
100
30.000
2008
300
70.000
2009
719
160.000
2010
315
60.000
TOTAL
4.034
892.000

Nenhum comentário:

Postar um comentário