terça-feira

DESCASO TOTAL: Matadouro de São Mamede vira caso de saúde pública e população pede providências do Ministério Público

Populares da cidade de São Mamede procuraram a redação do Hora Exata para denunciar o descaso da Prefeitura local com o Matadouro Público Municipal(antigo). De acordo com os populares, o local está em completo estado de abandono e não entendem porque o Município não toma nenhuma providência. Tudo foi presenciado pelo repórter Jamerson Ferreira que contou que ficou impressionado com o que viu.
 
O atual matadouro está em uma zona totalmente habitacional e de frente ao Hospital de São Mamede. A falta de higiene no local é gritante e não existem as mínimas condições de trabalho para abater os animais, colocando em risco a saúde da população que não tem carne de boa procedência.
Não existe constatação se a Prefeitura local faz um trabalho de inspeção constante a fim de garantir a qualidade da carne que vão para a mesa da população.
Segundo o repórter, ninguém que trabalha no local se aventurou a falar sobre o assunto temendo represálias, mas pelo rosto, todos estão insatisfeitos com a situação de calamidade pública. “É sem dúvida um problema de saúde pública gritante”, afirmou o repórter.
No local não existe a preocupação em colocar a carne em locais e mesas adequadas como pede as normas de vigilância sanitária. Tudo é feito no chão sem preocupação com a higiene. Os trabalhadores também não usam material de proteção e o local é sem infraestrutura alguma, como revelam as fotos.
Os magarefes ficam sem luvas e botas, não usam tocas na cabeça, ou sempre de pés descalços, colocando a vida deles e da população em risco, podendo contrair doenças graves.
Mesmo com tanto descaso, não se tem notícia que o local tenha sido interditado alguma vez e a Prefeitura não toma nenhuma providência para resolver o problema.
O novo Matadouro que serviria para abater animais e servir a população foi construído há anos, só que nunca funcionou. Para completar, o prédio foi construído em área residencial, o que causa ainda mais transtornos à população.
No local, também não existe água potável. Segundo a Cagepa, é inviável no momento fazer qualquer ligação de água encanada para o local. Enquanto isso, o novo matadouro é inviável.
O povo de São Mamede pede explicação do porque os animais continuarem sendo abatidos no velho Matadouro que não tem as mínimas condições de higiene, nem tampouco de funcionamento.
A população está pedindo a interferência do Ministério Público para que obrigue a Prefeitura a tomar as medidas cabíveis. Os populares temem pela saúde de todos que corre perigo.
O MATADOURO NOVO foi construído nas proximidades da PB-251, a mais ou menos 1 km da zona urbana da cidade, orçado em cerca de 400 mil reais, mas continua fechado.
Veja as fotos do atual MATADOURO PUBLICO (VELHO) de São Mamede e do novo e tire suas conclusões.

Nenhum comentário:

Postar um comentário